Panorama sobre o Manejo de Águas Pluviais no DF
publicado em 08/04/2016 - 23:04

Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental do Distrito Federal – ABES/DF e a Universidade Católica de Brasília (UCB), com apoio da ADASA, NOVACAP, PTARH (UnB) e Frente Nacional de Prefeitos - FNP realizam no dia 30 de março o Simpósio sobre os Olhares do Manejo de Águas Pluviais no DF. O evento reuniu estudantes, professores, convidados, representantes do poder público, sociedade civil, técnicos e gestores das instituições parceiras. 


Durante a abertura da mesa de trabalhos, o prof. Douglas José da Silva, diretor da Escola de Exatas, Arquitetura e Meio Ambiente da UCB, exaltou a importância dessa discussão e a preocupação da Universidade perante o problema que atinge todo o Distrito Federal. “O problema de manejo de águas pluviais é crescente e muito complexo. A cada ano que passa, torna-se maior dentro da nossa realidade. A natureza deste tipo de evento, com a participação de profissionais da área, que sabem o quê? por quê? e como? trabalhar as questões, discutindo aspectos técnicos de manejo de águas pluviais é de extrema relevância no cenário atual”, afirmou o diretor. 

O Simpósio promoveu o debate sobre os problemas atuais e as perspectivas de evolução, principalmente quanto ao controle dos alagamentos nas áreas urbanas, a poluição das águas superficiais do DF pelo lançamento clandestino de esgotos nas redes de drenagem; as causas do assoreamento dos nossos cursos d’águas, em especial do Lago Paranoá. Além disso, buscou informar e estimular o meio acadêmico a investigar problemas e soluções para o manejo sustentável das águas pluviais e da drenagem urbana no DF. O estudante do curso de Engenharia Ambiental da UCB, Vinícius Gomes de Oliveira, participou do Simpósio e ressaltou a importância do tema. “Apesar de não ter uma disciplina específica no curso sobre o manejo de águas pluviais, ele é recorrente em determinadas matérias. Os palestrantes provocaram, jogaram o problema, trouxeram até propostas de soluções como o exemplo do projeto Drenar DF, que eu desconhecia, mas cabe a cada um ter atitudes que possam fazer a diferença. Simples atitudes dentro de casa podem, também, reduzir o problema e melhorar a qualidade de vida das pessoas”, concluiu o futuro engenheiro. 

 


Convite ao Fórum Mundial da Água



Em 2018, a capital brasileira será sede do 8º Fórum Mundial da Água, evento que discute a temática dos recursos hídricos do planeta com a presença de chefes de Estado, organizações internacionais, políticos, representantes da sociedade civil, cientistas, usuários de água e profissionais do setor de recursos hídricos. Glauco Kimura, representando a Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento Básico do Distrito Federal – ADASA, deixou o convite no Simpósio da Universidade Católica e explicou a necessidade de participação de todos. 

O evento está previsto para março de 2018, em Brasília, e promete discutir o aproveitamento sustentável da água em meio ao desafio da conscientização pública, através de debates sobre experiências, problemas e soluções que envolvam políticos, empresas e sociedade.

 

 

 

 

 

 

Fonte: Fátima Layane (UCB)

Assessoria de Comunicação ABES DF

Acompanhe as notícias da ABES-DF no Facebook

 

(61) 3703-4610
Endereço:
SEPN 506, Bloco D - Ed. Sagitarius Sala 124 CEP: 70740-504 Brasília
Desenvolvido por Nova Mídia Brasília